Arte e Educação

O Programa da Associação Cairuçu trabalha as diferentes linguagens de expressão do indivíduo levando aulas de música, expressão corporal, comunicação oral e escrita e incentivando o desenvolvimento de habilidades manuais nas comunidades atendidas pela instituição.

Parte importante dessa iniciativa é a Biblioteca Comunitária de cada um dos CEICS no bairro Patrimônio, em Laranjeiras e na praia de Ponta Negra, onde acontecem periodicamente atividades de Mediação de Leitura e Contação de Histórias, aulas de Letramento com o reforço escolar essencial para ajudar na educação das crianças e dos adolescentes que frequentam a escola.

Todas as ações desenvolvidas ao longo do ano são elaboradas para valorizar a convivência, as identidades regionais, os saberes locais, o respeito à diversidade étnica, cultural e de condições físicas, cognitivas e socioafetivas. Além disso, ajudam a incentivar a autonomia, o protagonismo, a cooperação e a corresponsabilidade dos indivíduos na sociedade.

O projeto de Música tem aulas de iniciação musical e prioriza o contato das crianças e jovens com instrumentos, como teclado, flauta, violão e percussão. Eles também fazem atividades de canto e formação de coral para conhecer a música popular e clássica e desenvolver a atenção, a percepção e a oralidade, enriquecendo o repertório musical do grupo e integrando com a musicalidade regional e local, como as cirandas, cantigas de rodas e outros.

No projeto Dança, o PAE oferece aulas de Ballet clássico, dança de rua e dança contemporânea para promover a convivência, proteção social, consciência corporal, desenvolvimento da linguagem e expressões corporais e fortalecimento da autoestima. Os alunos ainda têm a chance de aprender como montar um espetáculo e se organizam para apresentações em grupo nos eventos CEICs, comunitários e regionais, fortalecendo as relações entre família, CEIC e comunidade.

Para atender diferentes gerações, o projeto Artes Manuais propõe que as mulheres das comunidades se reúnam para a troca de saberes e multipliquem esses e novos saberes, ensinando às crianças e aos jovens os conhecimentos aprendidos com seus pais e familiares mais velhos, e as novas técnicas que são apresentadas durante os encontros ao grupo, por educadores e facilitadores da arte manual. Aulas de costura, bordado, tecelagem, trançado de palha e cipó e artesanato com conchas e escamas de peixe ajudam as comunidades a expressar e preservar a cultura e o artesanato local.

Se você quer colaborar com os projetos, conheça melhor o Programa Arte e Educação e faça sua contribuição.